Amanheceu

No quarto ao lado, um choro miúdo invadiu o sono de Bárbara.  As cobertas não conseguiam enganar o frio daquela madrugada e ela relutava em sair da cama. Os olhos semiabertos nutriam uma esperança em continuar fechados, mas seu coração queria despertar.

Ao lado, seu marido parecia imune ao som. Bárbara espreme seu corpo ao dele em uma tentativa frustrada de ignorar aquela súplica.

No entanto, o choro contínuo se aprofundou nas entranhas daquela mãe.

Os olhos se abriram de vez. Bárbara encarava o teto. Sua cortina dançava ao ritmo do vento e ela se distraiu ao perceber a luz daquele quase dia se embaralhar.

Silêncio.

Ela mergulhou naquele vazio. Seus pensamentos se calaram. Agora, o teto daquele quarto projetava suas memórias.

Incapaz de sentir, ela apenas assistia. Hipnotizada, Bárbara se viu refém daquela realidade inventada.

Eco.

O lamento retoma sua voz e preencheu de angústia aquele quarto oco. Ela respira tão fundo como se tentasse tirar do ar força para se libertar de sua inércia.

Ela se levanta. Estranhamente, aquele choro trazia significado para sua perturbação.

Rastejante, Bárbara se apoia nas paredes, calça os chinelos e vai. Segura, caminha para o quarto ao lado, pronta para acolher aquele pranto angelical.

Com as mãos apoiadas na porta, Bárbara mira o berço.

Vazio.

Ali, não dormia ninguém. Nada esperava pela sua acolhida, a não ser ela mesma.

Agachada em dor, ela ouviu o choro de sua alma romper as barreiras do corpo.  Desmanchada em lágrimas, Bárbara se dilui da razão.

Sozinha.

Aos poucos, seu choro sombrio ganhou cor. As luzes daquele dia que acabava de nascer silenciaram, por um instante, seu abandono.

Iluminou-se enfim.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s