Pintura

Mônica parecia uma pintura à espera de Vinícius. Estática no sofá como se alguém pudesse desenhá-la, ela fitava o teto enquanto embaralhava seus pensamentos. O silêncio era interrompido vez ou outra por sua respiração carregada. Seus pulmões pareciam gritar, mas Mônica não falava uma só palavra.

O relógio da sala metrificava seu diálogo interno e a escuridão daquela sala apagada iluminava os próximos passos dela. De tão imóvel, Mônica passou a sentir frio e seus dedos começavam a percorrer seus braços. Suas mãos passeiam entre os pelos arrepiado até se afogarem na nuca.

Do calor, nasceu um sorriso tímido.

Calma. Essa não é uma boa hora para sorrir.

Pausa.

Pela proibição da sua personalidade rígida, da timidez, nasceu uma gargalhada. Mônica gemia de rir pelo prazer de estar sozinha, mergulhada no escuro, embalada por um tic tac ritmado.

Os dedos recuperam uma lágrima de felicidade, daquelas que escapolem quando a risada dói a barriga. Ainda com os dentes a mostra, Mônica abre os olhos e ouve uma chave dançar pela fechadura. Finalmente, era ele.

Mônica se senta com a mesma velocidade em que engole o riso.

Ele abre a porta, entra e acende a luz. Seu suspiro de susto denuncia que a imagem daquela mulher não era o que ele esperava.

Como uma pintura, Mônica não reage ao susto e tampouco olha para ele. Imóvel, ela se encara refletida na tela da TV desligada. O rosto marcado, colorido pelas marcas de dor, pintam sua decisão tomada fazia tempo.

Ao lado da TV, as duas malas enfileiradas respondiam às dúvidas que Vinícius não teve.

O silêncio marcou a despedida dos dois. Ao abrir a porta, Mônica apenas pediu para que apagasse a luz.

Figura: Jenny  Terasaki

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s